Seleção feminina vai à final da Copa América e se garante na Copa do Mundo e nas Olimpíadas

Nesta terça (26), as seleções femininas de Brasil e Paraguai se enfrentaram pelas semifinais da Copa América, no estádio Alfonso Lopez, na cidade de Bucaramanga, na Colômbia, no fim, as brasileiras se garantiram na decisão do torneio continental ao derrotarem as paraguaias por 2×0, com gols de Ary Borges e Bia Zaneratto, que alcançou uma importante marca.

Aos 16 do primeiro tempo, em um bate-rebate na grande área, Bia Zaneratto ajeitou para Ary Borges, que finalizou rasteiro e cruzado para abrir o placar, nove minutos depois, a número 16, que estava disputando seu 100º jogo pela seleção, invadiu a grande área em velocidade, conseguiu chutar forte e fez o segundo da partida, o seu 34º pela amarelinha.

Disputa de bola entre atletas de Brasil e Paraguai. Crédito: Divulgação/Copa América

Além de se classificar para a final, a seleção verde e amarela também garantiu vaga para a Copa do Mundo de 2023 e para as Olimpíadas de 2024, visto que as três melhores do torneio garantem vaga direta no mundial e as duas equipes finalistas se classificam para os jogos de Paris.

O Brasil vai disputar o título com a Colômbia, que derrotou a Argentina por 1×0 na outra semifinal. Será a terceira vez que a Copa América feminina terá uma final de mata-mata, as duas primeiras foram nas edições 1995 e 1998, em ambas, o Brasil foi campeão sobre a Argentina: o placar da final de 1995 foi 2×0 para as brasileiras, que três anos depois, venceram as Hermanas por 7×1.

A final entre Brasil e Colômbia está marcada para ocorrer no próximo sábado (30), as 21h (horário de Brasília), assim como as duas semis, vai ocorrer no estádio Alfonso Lopez, em Bucaramanga.

Arte para celebrar a classificação do Brasil. Crédito: Reprodução/CBF.

Demais seleções

Enquanto a seleção canarinho e as anfitriãs da competição já estão garantidas na Copa do Mundo e as duas vagas das Olimpíadas, Argentina e Paraguai, que perderam as duas semifinais, vão se enfrentar na disputa pelo terceiro lugar, na sexta (29), as vencedoras do confronto garantem vaga direta para o torneio que será disputado na Oceania, e a equipe que sair derrotada disputará os play-offs.

Vale lembrar que a seleção do Chile, terceira colocada do Grupo A, derrotou a Venezuela, terceira do Grupo B, na disputa pelo 5º lugar, nos pênaltis por 4×2, após empate em 1×1 e se garantiu nos play-offs.

Crédito foto principal: Thais Magalhães/CBF.